Menina de 11 anos foge de casa para não se casar

Apesar da mulher amadurecer mais rapidamente que os homens, ainda é preciso de alguns anos para entendermos nossas verdadeiras necessidades e aprendermos como e do que nos defender. Muitas nem aprendem e continuam se submetendo a pensamentos machistas pelo resto da vida, pois acreditam que é a única forma de pensar ou acham que outras são absurdas.

Mas Nada Al-Ahdal, fugiu de sua casa no Yemen e deu um exemplo de maturidade num vídeo que ganhou destaque na imprensa mundial, falando sobre o casamento infantil e o que perderia na sua vida.

Para quem entende inglês, o vídeo está legendado nesta língua, para quem não entende, só esta frase já resume bem a capacidade de raciocínio e a perspectiva de vida da pequena menina que escolheu decidir seu próprio destino:

“Eu não teria vida, não teria educação. Eles não têm compaixão? Eu prefiro estar morta. Prefiro morrer a me casar nesta idade.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s